Projeto de Conscientização Ecológica Pague Menos

Com ajuda da arara mais simpática do Brasil, o Ararildo, o Pague Menos lançou em 2013 o Projeto de Conscientização Ecológica em 17 escolas da rede pública estadual de ensino de Americana e Santa Bárbara d’Oeste, que atendeu diretamente 950 estudantes do quarto ano do ensino fundamental. A simpatia do Ararildo conquista os pequenos logo de início, assim como os outros personagens: a garota pré-adolescente Nara e os moradores que passam pelo processo de educação ambiental, Sr. Bigode e dona Flora.

O projeto teve início em abril e a primeira etapa foi concluída com a visita de uma exposição itinerante realizadas nas escolas envolvidas. Após passar pela palestra, visualizar a exposição e responder perguntas referentes ao tema, os alunos ganharam um bótom que os qualificaram como “Agentes de Educação Ambiental”. Todos se comprometeram a transmitir aos familiares e moradores do seu bairro tudo que foi aprendido por meio do projeto ambiental. Em junho, após a exposição as crianças receberam a cartilha da turma do Ararildo que contém uma história de educação ambiental e mobilização do bairro onde moram. Em continuação ao projeto, os alunos elaboraram uma carta coletiva aberta destinada à população, com o tema “O bairro Onde Vivo”.

Representantes da Diretoria de Ensino, das Secretarias de Meio Ambiente de ambos os municípios e do Pague Menos seguiram os critérios já pré-estabelecidos no programa, como coerência ao tema proposto e elaboração de texto coletivo para escolher os vencedores. As três escolas ganhadoras foram: José Domingues Rodrigues (Rua do Rayon, 451 Jardim Esmeralda, de Santa Bárbara d’Oeste), Maura Arruda Guidolin (Rua Dionísio Rodrigues da Silva, 650 Jardim América, de Americana) e Anna Peres da Silva (Rua Vicenzo Sardelli, 220 Jardim América II, também de Americana). As três escolas optaram por receber um computador novo para auxiliar nas atividades escolares. Já os alunos foram contemplados com um certificado de participação e canecas ecológicas com o logo do projeto. As cartas foram publicadas nos principais jornais impressos da região e também no site do Supermercados Pague Menos. Para ter acesso clique aqui!

Vale ressaltar que para 2014 o projeto continua, com objetivo de ampliar a participação de escolas e cidades.